Ínicio » Passear » 11 lugares não turísticos a visitar em Portugal
Lugares não turísticos - Vale Glaciar do Zêzere
Vale Glaciar do Zêzere
Finalista das 7 maravilhas naturais de Portugal, este vale é um dos maiores da Europa, com 13 km de extensão num caminho glaciar a céu aberto. O vale acompanha o rio Zêzere e apresenta uma paisagem com vestígios milenares da última época glaciar.

 

Lugar não turístico - Vale de Poldros
Vale de Poldros (Riba de Mouro, Monção)
Conhecida como a “aldeia de hobbits” pela semelhança ao cenário do filme “Senhor dos Anéis”, Vale (Val) de Poldros tem paisagens verdejantes com longos pastos nas brandas do Alto Minho.

 

Lugar não turístico - São Leonardo da Galafura
São Leonardo da Galafura
Neste miradouro, entre o Peso da Régua e o Pinhão poderá vislumbrar um dos mais enigmáticos panoramas sobre todo o vale do Douro e os socalcos. Símbolo de inspiração para Miguel Torga, o poeta dizia que São Leonardo era como um barco de quilha para o ar, que a Natureza voltara a meio do vale.

 

lugar não turístico - Ria Formosa
Ria Formosa
Ria Formosa é um dos sapais mais bonitos do Algarve, tanto pela variedade dos seus habitats como pela sua localização peculiar. Eleita como uma 7 das Maravilhas Naturais de Portugal, estende-se pelos concelhos de Loulé, Faro, Olhão, Tavira e Vila Real de Santo António.

 

Lugar não turístico - Estuário do Tejo
Reserva Natural do Estuário do Sado
A Reserva Natural do Estuário do Sado (RNES) abrange o essencial do estuário do Sado e percorre o território pertencente aos concelhos de Alcácer do Sal, Grândola, Palmela e Setúbal. Neste local existe o registo de 221 espécies de aves. Existe também um moinho de água chamado Moinho de Maré da Mourisca e, com a sua pequena porta de água, faz rodar as pás produzindo farinha para o pão.

 

Lugar não turístico - Pulo do Lobo
Pulo do Lobo (Mértola)
A cascata do Pulo do Lobo ou apenas Pulo do Lobo é a maior queda de água do sul de Portugal que se localiza no rio Guadiana, a cerca de 18 km a norte de Mértola, distrito de Beja. É um dos locais mais bonitos do vale do Guadiana, encontra-se todo exposto, em rocha num sulco criado ao longo de milhares de anos.

 

Lugar não turístico - Parque natural da Arrábida
Parque Natural da Arrábida
O Parque Natural da Arrábida é uma reserva biogenética com uma área aproximada de 10 800 hectares. Com uma fauna bastante diversificada, todo o seu território está classificado como Sítio de Especial Interesse para a Conservação da Natureza. O Portinho da Arrábida é uma das praias mais bonitas e um bom local para fazer mergulho. Para saber mais visite o Museu Oceanográfico, instalado na Fortaleza de Santa Maria da Arrábida.

 

Lugar n\ao turístico - Caldeirão Verde
Levada do Caldeirão Verde (Madeira)
Um paraíso verde de 6,5 km, com início no Parque Florestal das Queimadas. O percurso da levada até à maravilhosa cascata oferece uma vista singular sobre a vila de São Jorge e as montanhas.

 

Lugar não turístico - Gruta do escoural
Gruta do Escoural (Montemor-o-novo)
A Gruta do Escoural é uma cavidade natural conhecida pela arte rupestre paleolítica, localizada em Montemor-o-Novo. Classificada como Monumento Nacional desde 1963, a gruta é constituída por uma grande sala e múltiplas galerias que ilustram o quotidiano de populações há cerca de 50 000 anos.
As visitas são feitas com marcação prévia.

 

Lugar não turístico - Geopark Naturtejo
Geopark NaturTejo
São 600 milhões de anos preservados em rochas e paisagens com cerca de 5000 km2. O Geopark Naturtejo é um território rico em biodiversidade com vasto interesse hisótico-cultural, onde a natureza se evidencia nas serras, nos vales, minas e fósseis.

 

Lugar não turístico - Deserto vermelho do Barreiro da Faneca
Deserto Vermelho do Barreiro da Faneca (Açores)
O Barreiro da Faneca, também conhecido por “Deserto Vermelho”, como também é conhecido nos Açores, é um lugar com paisagem árida e argilosa de coloração avermelhada, rodeada por florestação endémica da Ilha de Santa Maria e pelas Baías.